Região dos Lagos e Norte Fluminense

Jornal primeira hora Jornal primeira hora
Sexta-feira , 25 de Jul 2014

242462

MP obriga prefeito de Búzios a republicar Orçamento

Apesar de já ter avançado com despesas sobre fontes vindas de convênios os quais a Câmara de Vereadores não tem notícia, Prefeito André Granado (PSC) será obrigado a republicar Lei do Orçamento conforme foi aprovada pelo Poder legislativo. Prefeito vinha descumprindo a lei desde o inicio do ano

>>teclado do leitor

Espaço do Leitor

Alagamento em Geribá

Rua 46 esquina com rua dos Gravatás em Geribá.  Alagamento constante por falta de limpeza da rede pluvial. Tenho Ligado para o tel. 2623-6566 e não dão a menor importância. Hoje 12/7/14 continua em estado crítico, nem mesmo o caminhão para retirar a água eles mandam. É o caminho de acesso a Cem Braças, não tem como passar a pé, pois a água misturada ao esgoto impede que pedestres possam transitar estando sujeitas a doenças.        Ana Maria Coutinho; por e-mail enviado em 12/07/14

 

Buracos nas estradas de Búzios

Queria atentar para as buracadas nas ruas dessa cidade. A cada meio metro tem um buraco, não  há carro que aguente... Podem confirmar o que estou dizendo, todos os dias tem um buraco diferente e os anteriores ficam maiores. Observem, no percurso de João Fernandes até o Cruzeiro da Rasa, quantos milhares de buracos encontramos. Será que não tem solução? Isso sim é uma vergonha!

Bruna Silveira; por e-mail enviado em 12/07/14

 

Buracos e mais buracos

Gostaria de deixar aqui a minha reclamação em relação ao péssimo estado em que as nossas estradas se encontram por conta do total abandono por parte do atual governo. O mais engraçado é que o ex- secretário de serviços públicos (Eraldo) que era de Saquarema pelo menos vinham fazendo um paliativo tapando os principais buracos da Av. José Bento R. Dantas e agora que ele foi substituído por um secretario de Búzios (Miguel Pereira)a situação ficou ainda pior. É buraco pra todo lado não tem suspensão de veículo que aguente. Será que vai ter que morrer gente para a secretaria de serviços públicos mandar um carro com dois ou três funcionários pegar uma enxada e ir para a pista tapar buraco ou vão continuar com a desculpa de que não fazem porque trata se de uma RJ (rodovia estadual)?               

Pedro Paulo Silva; por e-mail enviado em 09/07/14

 

Orçamento 2014

Santa Peixoto - Enquanto isso os moradores são penalizados com a falta de exames e consultas, e quando conseguem tem que se deslocar para cidades distantes de nossa região já que a PAMB não pagou os convênio na região e tem de cada vez mandar os doentes mais longe para fazer exames simples, saindo ás 3 h da manhã isso quando o exame sai! Ou seja uma patifaria generalizada com o povo!

>>opinião

546325

O que mudou e o que precisa mudar

Wadih Damous, ex-presidente da OAB/RJ e Presidente licenciado da Comissão da Verdade no Rio de Janeiro e da Comissão dos Direitos Humanos da OAB

>>turismo

287689

Búzios cai seis posições no ranking do turismo e sai da lista das ?dez mais?

Levantamento feito por site de hospedagem entre janeiro a junho deste ano aponta queda para a 12ª posição

>>cultura

797027

13º Festival Gastronômico de Búzios é sucesso de público e de mídia

Acontece nesta sexta-feira (25) e no sábado (26) o segundo final de semana do Festival Gastronômico 2014, com a participação de 60 restaurantes. As mesas de degustação no Centro se estendem pela Rua das Pedras, Rua Manuel Turíbio e Orla Bardot. Em Manguinhos elas estão expostas no Porto da Barra e no Espaço Domme. Na Rua das Pedras a novidade são as tendas da Cervejaria Therezópolis espalhadas em pontos diferentes, e ainda lançamentos de vinhos, champagnes e espumantes sendo vendidos em taça ou garrafa.

O evento é organizado pelo jornalista Gil Castelo Branco e está sendo considerado um enorme sucesso de público e de mídia. Tem co-patrocínio da Prefeitura de Armação dos Búzios através da secretaria de Turismo e conta com o apoio do SEBRAE, AHB (Associação de Hotéis de Búzios), ACEB (Associação Comercial e Empresarial de Búzios), e BC&VB (Búzios Convention & visitors Bureau).

O formato do festival é único. Os chefes servem suas criações a seus convidados em tendas ou mesas cuidadosamente decoradas na rua ou na frente de seus estabelecimentos, transformando o roteiro gastronômico da Cidade em uma grande festa ao ar livre, atraindo grande público de toda região e de vários estados brasileiros, como Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais.

O festival se tornou uma re-

ferência no Calendário de Eventos de Búzios e vem crescendo a cada ano, movimentando bastante o setor turístico da Cidade. Durante o primeiro final de semana, dias 18 e 19, os restaurantes locais puderam mostrar muitas curiosidades em matéria de culinária e apresentar novos e atraentes sabores aos participantes. Os preços para este fim de semana são os mesmos: R$15,00 os pratos principais e R$10,00 as entradas e sobremesas. As bebidas variam entre R$10,00 e R$15,00. 

>>búzios

Obras atrasadas deixam alunos fora da sala de aula
Reformas na Antônio Alipio (Geribá), José Bento (Manguinhos), e Eulina (São José) ainda não foram concluídas e seguem deixando crianças sem aulas

Pedido de crédito feito pelo Executivo a Câmara entrou na pauta da Sessão de terça-feira (15)

Na Sessão de terça-feira (14), um total de R$18.049.280.00 de  pedido de remanejamento  do Executivo  entrou na pauta . Essas mensagens de crédito foram uma segunda remessa enviada pelo prefeito André Granado, pois as outras tinham algum erro, considerando que enviaram as atuais para substituírem as anteriores.

Por questões meramente regimentais essa matéria entrou na pauta da Sessão de terça-feira (15) para que fossem encaminhadas as Comissões para darem prosseguimento considerando ainda que segundo o presidente da Comissão Mista de Orçamento Lorram Silveira, todos esses remanejamentos solicitados deverão ser discutidos com a população. Quanto ao Orçamento que está em vigor, não é o aprovado pela Câmara e conforme ação já ajuizada pela Câmara e Comissão Mista de Orçamento e recentemente pelo vereador Felipe Lopes, aguarda uma posição judicial quanto a situação.

Não foi por falta de AVISO!!!

Mansões que causaram fraturamento do solo de encosta nos Ossos começam a ruir e devem ser demolidas pela Defesa Civil

Moradores reclamam de processo seletivo no meio do ano para diretor de escola

No mês de junho a secretaria de Educação de Búzios abriu inscrição para diretores de escola, supostamente para o Paulo Freire e Regina da Silveira, pois segundo informações, a diretora da escola de São José, que era funcionária na administração da secretaria, havia retornado, e a do Paulo Freire, que substituiu a diretora Kelly Penha, que inclusive teve um abaixo assinado com mais de 450 assinaturas de alunos, conforme matéria no PH na edição 1561, em que alunos pediam seu retorno, pediu exoneração do cargo.

 Uma luta travada há anos com a secretaria municipal de Educação, pela continuidade escolar é que aconteça eleição direta para diretores de escolas. Segundo Denize Alvarenga, diretora do Sindicato dos Professores do Rio de Janeiro (SEPE/Lagos) é a eleição direta para o cargo de diretores de escola, pois quando isso acontece existe um comprometimento maior desse profissional com o cargo almejado, além do prazo do mandato, que tem sua finalização sempre no final do ano, não interferindo assim, no cotidiano educacional do aluno. Quanto aos vice-diretores, permanece indicação política.

-O problema é que não respeitam o próprio processo criado por eles, há mais de um ano, em janeiro de 2013, criaram esse engodo de processo seletivo, mera distração para que não se instaurasse o que de verdade prevê a lei, a eleição direta para diretores. Na seleção de janeiro de 2013, previa-se que o mandato seria de dois anos. Pois bem, ao final de 2013, no recesso, para evitar manifestações, exoneram alguns diretores, a do Paulo Freire e da Regina, por exemplo. Feito isso, seria necessário um novo processo, fizeram mais um em janeiro, e, agora, outro. Ou seja, esse processo e nada é a mesma coisa - explicou Denize.

Para a diretora do SEPE, que também é professora do Colégio Paulo Freire, esse processo prejudica a comunidade escolar principalmente no que tange a adaptação do aluno/diretor, pois em seis meses de relação com o diretor e ele não completa o ano e entra outro no meio de ano, praticamente se perdeu o ano letivo.

-É Impossível pensar uma escola assim, estávamos tentando acertar no Paulo Freire, seis meses de adaptação, agora mais seis meses, no final o ano foi perdido. Pedagogicamente falando é um caos e perde toda a comunidade escolar ,em especial nossos alunos. A eleição direta, seguindo a Lei, seria a solução como acontece em Cabo Frio, por exemplo- concluiu.

O Colégio Paulo Freire é o único do município com ensino médio e formação de professores, recentemente um grupo de alunos recolheu aproximadamente 500 assinaturas pedindo o retorno da diretora Kelly Penha, que havia sido exonerada na época e substituída pela atual diretora que pediu demissão do cargo. (GB)

Pacientes com câncer podem ter estado agravado em Búzios

Por falta de informação do município, pacientes podem ser tratados tardiamente

Luz no fim do túnel

CPI do Boletim Oficial indicia prefeito André Granado (PSC), secretário Renato de Jesus, procuradores Sérgio Luiz Azevedo e Cássio Oliveira, coordenador de comunicação da PMAB, Beto Jordão, e empresas beneficiadas na manipulação nas publicações de avisos de licitação

>>região

Condenados ex-presidente e 15 vereadores da Câmara de Maricá

O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) condenou, em sessão plenária na terça-feira (22), quinze vereadores da Câmara Municipal de Maricá a devolverem aos cofres públicos a quantia de R$ 530.744,18. O valor corresponde aos subsídios que os parlamentares receberam acima do limite legal no exercício de 2004.

Por ter autorizado os pagamentos irregulares, o ex-presidente da Câmara, Paulo Maurício Duarte de Carvalho, foi responsabilizado solidariamente com seis dos quinze vereadores, o que significa que terá que ressarcir aos cofres públicos a quantia de R$ 212.297,73, caso os condenados não devolvam o dinheiro ao erário. O valor total corresponde ao recebido por seis vereadores, já que os outros nove assumiram a dívida e solicitaram o parcelamento do débito. Os conselheiros do TCE-RJ tomaram a decisão acompanhando o voto do relator Julio Rabello.

Clique e Leia a Versão Online
Jornal Online

>>Colunistas

publicidade

381530.705749.jardimdolago.soter.50537.shoppingmatriz.696594.472198.235504.694885.970001.113739.

Copyright 1995-2010 Jornal Primeira Hora, Todos os direitos reservados.